Os primeiros registros de crepes foram feitos no século I pelo gastrônomo romano Apicius.Cozidas no ferro quente, recheadas com mel e pimenta.

Os italianos juram que a especialidade nasceu no século V, quando peregrinos franceses, movidos pela fé, chegaram a Roma para a Festa della Canderola. O papa Gelasio, vendo-os famintos, mandou abastecer a cozinha do palácio pontifício com ovos, sacos de farinha e litros de leite. Os crepes teriam nascido ali ao acaso e depois levados à França pelos próprios peregrinos.
Assim foi originado o nome, do francês crêpe, que significa crespo, fazendo referência à textura da massa após a passagem pela frigideira ou chapa de metal untada com manteiga.
Originalmente feitos sobre chapas de metal, a receita doce combinava farinha de trigo integral, ovos, leite, água, açúcar e baunilha. A salgada, chamada de galette, levava apenas trigo sarraceno, água e sal.

crepe savorines 81 355x200